best365体育投注英超_首頁(欢迎您)

<code id="yr0pe"><rp id="yr0pe"><table id="yr0pe"></table></rp></code>
    <track id="yr0pe"><strike id="yr0pe"><ol id="yr0pe"></ol></strike></track>

    <pre id="yr0pe"></pre>
    <output id="yr0pe"></output>
    <tr id="yr0pe"></tr>

      <pre id="yr0pe"></pre>
    1. Português>>Opini?o

      Opini?o: o desenvolvimento coletivo deve ser promovido através da abertura

      Fonte: Diário do Povo Online    13.10.2020 15h28

      He Yin

      Crian?as interagem com c?es-rob?s na 22a Feira Internacional da Indústria de Dalian. Liu Debin / Diário do Povo Online

      "Embora as perdas da indústria de turismo global estejam estimadas em mais de $1 trilh?o este ano, a indústria de turismo da China quase retomou a normalidade". Um artigo do site alem?o "Hamburg Morning Post" elogiou: "O país inteiro está em movimento: centenas de milh?es de chineses aproveitaram o feriado prolongado do Dia Nacional para visitar parentes e amigos ou viajar. Tudo isto acontece apenas 9 meses após a epidemia de Covid-19 se espalhar pelo globo. "Nos últimos dias, muitos meios de comunica??o internacionais expressaram a mesma surpresa. A indústria do turismo recuperou fortemente durante o Dia Nacional da China, e o cenário aqui é único - mais de 600 milh?es de pessoas viajaram em seguran?a por todo o país. As vendas das principais empresas de varejo e catering em todo o país s?o de cerca de 1,6 trilh?o de yuans, e as vendas diárias aumentaram 4,9% em termos anuais. Esta é uma manifesta??o da forte vitalidade do plano doméstico China”.

      Se flui e circula, ent?o significa que está viva. Isso é verdade para a China e o mesmo se aplica ao mundo. A China tem promovido a forma??o de um novo padr?o de desenvolvimento em que os ciclos doméstico e internacional se promovem mutuamente - uma decis?o estratégica feita com base no estágio de desenvolvimento, ambiente e as condi??es da China. Os fatos revelam que o potencial da demanda doméstica da China continua a ser liberado e que a vitalidade interna é cada vez mais intensa. Concomitantemente, o plano internacional também está ganhando novo ímpeto à medida que a China continua a se expandir e aprofundar sua abertura. Em agosto deste ano, as importa??es e exporta??es de e para a China aumentaram 6% em rela??o ao ano anterior, o que já se vem sucedendo por 5 anos consecutivos. Há alguns dias, a China emitiu o "Plano geral da zona de livre comércio da China - Beijing, Hunan, Anhui" e o "Plano piloto de expans?o da zona de livre comércio da China (Zhejiang)", aumentando o número de zonas de livre comércio para 21. Em 11 de outubro, a China emitiu o "Plano de Implementa??o do Programa Piloto de Reforma Abrangente para a Constru??o de uma Zona Piloto de Demonstra??o do Socialismo com Características Chinesas em Shenzhen (2020-2025), atribuindo a Shenzhen mais autonomia na implementa??o de reformas.

      Atualmente, a globaliza??o econ?mica está enfrentando ventos adversos, mas o mundo n?o pode voltar a um estado de isolamento. O presidente Xi Jinping declarou solenemente no pódio da ONU recentemente: "Devemos defender o conceito de abertura e tolerancia, construir inabalavelmente uma economia mundial aberta, salvaguardar o sistema de comércio multilateral com base na Organiza??o Mundial do Comércio e tomar uma posi??o clara contra o unilateralismo e o protecionismo, salvaguardando a estabilidade das cadeias de abastecimento global”.

      A abertura de alto nível da China ao mundo exterior promoveu um desenvolvimento de alta qualidade, dando origem a novas oportunidades para o desenvolvimento comum da China e do mundo, e conquistou o reconhecimento universal e a confian?a da comunidade internacional. A lista negativa de acesso ao investimento estrangeiro e a lista negativa de zonas-piloto de livre comércio est?o ficando cada vez mais curtas, e a lista negativa de acesso à indústria financeira foi oficialmente liberada. A Feira de Comércio Internacional de Servi?os da China de 2020 obteve resultados frutíferos e a terceira Feira de Importa??o da China é cada vez mais atraente. 

      O que é surpreendente é que, apesar da queda acentuada no comércio e investimento transfronteiri?o, a maioria das empresas multinacionais continua otimista em rela??o à China e ao fato da sua estratégia de desenvolvimento de negócios no longo prazo na China n?o ter sido alterada. De janeiro a julho deste ano, houve 18.838 novas empresas estrangeiras na China, incluindo 415 novas empresas japonesas, 860 dos Estados Unidos, 849 da Coreia do Sul, 584 de Singapura, 296 do Reino Unido e 245 da Alemanha. De acordo com os resultados da pesquisa divulgados pela Camara de Comércio Americana em Shanghai, há pouco tempo, entre as mais de 340 empresas associadas pesquisadas, cerca de 92% dos entrevistados disseram que continuariam a operar na China. De acordo com os dados da "Camara de Comércio Europeia na China Business Confidence Survey 2020", quase metade dos membros está pronta para investir 5% a 10% de suas receitas anuais na China, e quase um ter?o disse que o investimento será maior.

      Uma pesquisa conduzida pelo Centro de Pesquisa Econ?mica do Jap?o e pelo Nihon Keizai Shimbun revela que quase 70% dos entrevistados est?o ansiosos pela forte retoma da demanda dos consumidores chineses. A Goldman Sachs divulgou recentemente um relatório no qual indica que a maioria das empresas na área dos equipamentos e materiais semicondutores de saúde está expandindo a produ??o na China. A Bloomberg informou que, com a abertura da indústria financeira da China, as empresas de gest?o de fundos dos EUA est?o assumindo a lideran?a na cria??o de novas viagens para a China. Incontáveis fatos provaram que a conectividade econ?mica internacional e que as trocas s?o ainda requisitos do desenvolvimento econ?mico mundial, e que o efeito “magnético" produzido pela coopera??o existe, corporizado pelo estado de direito.

      A China de hoje é a China do mundo. A China está se esfor?ando para alcan?ar um desenvolvimento mais eficiente, mais justo, mais sustentável e mais seguro. Esta é também uma a??o da China para promover o desenvolvimento comum de todos os países por meio da coopera??o aberta. A China enfatiza a constru??o de um novo padr?o de desenvolvimento: n?o para fazer a constru??o dentro de 4 paredes, mas para continuar se abrindo. N?o importa o qu?o a situa??o internacional mude, a China, como sempre, buscará um caminho junto do coletivo, rumo a uma comunidade de futuro compartilhado para a humanidade. 

      0 comentários

      • Usuário:
      • Comentar:
      best365体育投注英超