best365体育投注英超_首頁(欢迎您)

<code id="yr0pe"><rp id="yr0pe"><table id="yr0pe"></table></rp></code>
    <track id="yr0pe"><strike id="yr0pe"><ol id="yr0pe"></ol></strike></track>

    <pre id="yr0pe"></pre>
    <output id="yr0pe"></output>
    <tr id="yr0pe"></tr>

      <pre id="yr0pe"></pre>
    1. Países baixos registram primeira morte de paciente reinfetado pelo novo coronavírus

      Fonte: Diário do Povo Online    15.10.2020 10h19

      Muitos países têm detetado vários casos de pessoas infetadas pela segunda vez com Covid-19, sendo que este fen?meno despertou a aten??o de vários especialistas médicos. No dia 12, pesquisadores holandeses relataram que uma mulher de 89 anos morreu após ser reinfetada pelo novo coronavírus. Esta é a primeira morte oficial registrada por uma segunda infe??o.

      Pesquisadores holandeses indicam que a mulher, de 89 anos, estava sendo submetida a quimioterapia. Quando foi infetada pela primeira vez com o novo coronavírus, ela teve sintomas como febre e tosse forte. Após 5 dias de tratamento hospitalar, teve alta.

      No entanto, cerca de dois meses depois, a paciente voltou a ser infetada, desenvolvendo novos sintomas como febre, tosse, falta de ar e diminui??o da satura??o de oxigênio no sangue. O resultado do teste de anticorpos após a segunda infe??o foi nulo. No dia 8, a sua condi??o piorou, falecendo duas semanas depois.

      Os pesquisadores analisaram que, como a paciente estava recebendo quimioterapia, a sua capacidade imunológica estava debilitada.

      No dia 12, a revista britanica "Lancet · Infectious Diseases" publicou um relatório de pesquisa sobre o primeiro caso confirmado de "re-infec??o" nos Estados Unidos, onde é revelado que os pacientes infetados novamente podem inclusive apresentar sintomas mais graves.

      Um dos casos é o de um homem americano de 25 anos de idade do estado de Nevada, exposto a duas estirpes diferentes do novo coronavírus em 48 dias. Na segunda infe??o, os sintomas foram significativamente piores do que a primeira, sendo que mais tarde foi curado e teve alta.

      Atualmente, mais de 20 casos de "re-infe??o" foram relatados globalmente, distribuídos pela ásia, Europa, América do Norte, América do Sul, entre outros lugares. 

      (Web editor: Renato Lu, editor)

      0 comentários

      • Usuário:
      • Comentar:

      Wechat

      Conta oficial de Wechat da vers?o em português do Diário do Povo Online

      Mais lidos

      best365体育投注英超